Salmos

Provérbios







sexta-feira, 2 de julho de 2010

Água viva

Um manancial de águas limpas é uma figura profética utilizada na literatura bíblica e na linguagem do povo de Deus, especialmente na adoração. Dependemos da água para sobreviver e por isso as Escrituras comparam a necessidade que o nosso corpo tem de água com a carência que nossa alma e espírito têm do Deus Vivo (Salmos 42:1-2 e 63:1).

O Messias se revelou como Água da Vida, capaz de saciar a sede da pessoa definitivamente (Jo 7:37-38). Esta é a nossa vocação em Cristo: socorrer os sedentos por Deus. Somos um Manancial de Deus, uma fonte a levar águas da salvação a todo que sofre pela falta de Água Viva. Há uma palavra em Provérbios que é um alerta para nós. Ela descreve a fonte turva e o manancial poluído, referindo-se ao servo de Deus que não vive em santidade e fidelidade (Pv 25:26).



Um povo que se conforma com o pecado assemelha-se ao manancial de águas que havia em Jericó até o dia quando Elias foi arrebatado aos céus.



A Bíblia nos conta que tais águas eram de morte e esterilidade e que através do profeta Eliseu, o Senhor operou a purificação das águas (2 Rs 2:21). Tais águas transformaram totalmente a vida da cidade de Jericó. Somos um Manancial de Vida Nova para a Campinas, para o Brasil e para as Nações. Por isso a santidade e a fidelidade são imprescindíveis a fim de que cumpramos nosso papel.



A Água Viva tem que fluir de sua vida e para tanto você deve suplicar ao Senhor que lhe faça um manancial fechado e uma fonte selada, conforme Cantares 4:12. Um manancial fechado e selado para toda ação do Maligno, para a rebeldia e a infidelidade.



As águas deste Manancial vêm diretamente da presença do Senhor. Elas fluem através de nossas vidas e alcançam outras vidas. Na medida que estas águas chegam aos sedentos, suas vidas são transformadas, terminando a aridez.



Que as águas do Senhor fluam abundantemente através de nossas vidas e de nossa Igreja, um Manancial de Vida para as Nações.